Moradores que receberam vacina contra a Covid vencida em Xapuri começam a tomar dose de reforço

Moradores de Xapuri que tomaram dose vencida começaram a receber dose de reforço  — Foto: Wanderley Costa/Secop Suzano/Arquivo

Os moradores de Xapuri, interior do Acre, que tomaram as doses da Oxford/AstraZeneca vencidas de três lotes referentes aos meses de abril e junho desse ano foram autorizados a tomar a dose de reforço. A informação foi confirmada pela Saúde do município nesta terça-feira (16).

A pasta informou também que a dose de reforço para esse público foi liberada há cerca de duas semanas. A maioria desses moradores é idoso. A Saúde destacou que nenhum dos vacinados apresentou reação e foram acompanhados e monitorados pelo Centro de Referência para Imunobiológicos Especiais (Crie)

“Boa parte deles são idosos que tomaram bem no início da campanha. Então, já tinham critério de revacinação, já havíamos aplicado a segunda dose e agora só autorizamos a dose de reforço”, explicou o diretor de Ações Básicas de Xapuri, enfermeiro Francisco Andrade da Silva Souza.

O enfermeiro destacou também que a saúde municipal não recebeu nenhum parecer da Agência Nacional de Vigilância Sanitária- Anvisa autorizando a liberação de uma terceira dose para os moradores que receberam a vacina vencida.

“Até hoje não saiu uma resposta dos órgãos federais e estaduais sobre isso. Conversamos sempre com o Crie, porque estávamos sendo cobrados por moradores que iam viajar, idosos, e também tínhamos essa preocupação”

O profissional relatou que ainda não tem o número de quanto dos 51 moradores que tomaram a vacina vencida já receberam a dose de reforço. “Não conseguimos ainda. Liberamos há duas semanas, mas alguns pacientes já tinham tomado em outras cidades”, concluiu.

Segundo o diretor, mais de 10 mil moradores já tomaram a 1ª dose da vacina contra a Covid-19 e mais de 8 mil receberam a 2ª.

Vacina vencida

Um levantamento baseado no cruzamento de dados oficiais do governo federal, divulgado no dia 2 de julho, apontou que pessoas teriam recebido doses vencidas contra a Covid-19.

No Acre, sete cidades apareceram no levantamento dos pesquisadores Sabine Righetti, da Unicamp, e Estêvão Gamba, da Unifesp: Rio Branco, Xapuri, Senador Guiomard, Acrelândia, Epitaciolândia, Porto Walter e Cruzeiro do Sul. O município com mais aplicações de doses fora do prazo, segundo a lista divulgada, seria Xapuri.