No presídio de Sena Madureira, infratores lançam celulares por cima da muralha e fogem

Uma nova remessa de aparelhos celulares endereçada aos reeducandos do presídio Evaristo de Moraes, em Sena Madureira, foi interceptada pelos policiais penais na noite deste sábado (13). Os objetos comunicadores foram lançados por cima da muralha.

De acordo com Francisco de Assis, diretor da unidade, dois infratores trafegando em uma motocicleta se aproximaram do presídio e o garupa fez o lançamento do embrulho recheado de celulares. Caso passasse despercebido da fiscalização, no dia seguinte os apenados se apossariam dos aparelhos durante o banho de sol.

Neste mês de novembro, várias apreensões já ocorreram nessas mesmas circunstâncias.