Polícia Federal em ação conjunta com a Polícia Penal prende em flagrante advogado que tentava entrar no presídio com droga

Policiais Federais prenderam em flagrante, na manhã desta sexta-feira, 1, com apoio da Polícia Penal, um advogado que tentava entrar no presídio Francisco de Oliveira Conde em Rio Branco, Acre, com quase meio quilo de substância entorpecente, possivelmente maconha e cocaína.

Após receber denúncias de que um advogado reiteradamente se dirigia ao presídio para atender clientes e entregar drogas, uma equipe da polícia federal se encaminhou ao presídio e acompanhou o advogado encontrar-se com seu cliente, momento em que foi abordado pelos policiais e o próprio advogado confessou que portava drogas com seu corpo. Foi-lhe dada voz de prisão em flagrante por tráfico de drogas. Junto ao advogado havia diversas cartas e documentos que seriam entregues a seus clientes, integrantes de organização criminosa autointitulada de comando vermelho.

O advogado foi conduzido à Superintendência da Polícia Federal no Acre onde prestou depoimento e foi autuado por tráfico de drogas com o agravante de ter tentado introduzir entorpecente em unidade prisional além do crime de organização criminosa. Pelos crimes, poderá cumprir até quinze anos de prisão.