Governo sanciona lei que que fixa em 32 anos a idade máxima para ingresso na PM e Bombeiros

O projeto de lei que fixa a idade máxima para ingresso na Polícia Militar e no Corpo de Bombeiros Militar em 32 anos, no ato da inscrição, foi sancionada pelo governador Gladson Cameli.

A decisão saiu na edição desta quinta-feira (17) do Diário Oficial do Estado (DOE).

Além da mudança, a lei também especifica que a idade máxima para ingresso no quadro de oficiais militares de saúde é de 40 anos – a partir de uma emenda do deputado Cadmiel Bonfim (PSDB).

Com a sanção, a medida já passa a valer para o novo concurso do Corpo de Bombeiros, que tem edital previsto para esse ano de 2022, de acordo com o executivo acreano.